Número 1 en Europa     60 años de experiencia
800 91 30 55 CHAMADA GRATUITA - DAS 8:00 ÁS 22:00

As novas tendências para setembro

Inicio / Blog / As novas tendências para setembro
Publicado pela
en Blog

O mês de setembro propõe novos desafios em 2020.

As novas tendências para setembro
Recrescimento, máscara e distância social são acrescentados à lista de palavras temidas da volta à rotina em setembro.

Ninguém fica indiferente que “o regresso às aulas” de 2020 seja um dos mais complicados dos últimos anos. Às chatices habituais após as férias, temos de acrescentar a presença da COVID-19, que apesar de ser uma notícia do passado, continua a ser uma realidade atual.

O regresso às aulas ou o regresso ao trabalho serão desafios aos que as administrações e organizações governamentais terão de tomar medidas extraordinárias.

Um mês de setembro em que novos desafios serão acrescentados a velhos conhecidos.

 

O que não vai mudar em setembro?

 

A chuva chega, a descida de temperatura e o regresso à rotina.

Não podemos controlar o clima, mas podemos proteger-nos dos fenómenos habituais da chegada do outono.

Durante este verão, superámos recordes no que respeita às chamadas e intervenções preventivas para o outono.

É habitual que a carga de trabalho seja reduzida em agosto, mas este ano, com a COVID-19 muito presente, as pessoas querem proteger as suas casas.

À situação habitual do fim do verão e feriados são adicionadas as medidas contra o vírus que nos acompanharão, presumivelmente, até termos uma vacina eficaz.

Este novo cenário faz-nos dar novamente atenção a velhos e conhecidos problemas em casa e no trabalho: a humidade.

Em setembro a humidade aparece sempre. Vamos para casa, olhamos para o tempo e preparamo-nos para um ambiente saudável. Com a COVID-19 estamos ainda mais conscientes.

 

O que nos espera em setembro de 2020?

 

O dia a dia baseado no último trimestre do ano e no outono será marcado por medidas destinadas a evitar a proliferação do vírus. Nesse sentido, a proteção das casas e locais de trabalho está a tornar-se uma prioridade.

A preocupação com a circulação ou renovação do ar está sob o custo de grande parte dos diagnósticos e intervenções preventivas.

Em abril do ano passado, lançámos um bónus social para ajudar famílias e empresas em dificuldades. O sucesso do projeto e a necessidade de continuarmos a ajudar levaram ao alargamento do bónus de meio milhão de euros para acrescentar ao investimento inicial de 1,5 milhões.

Soluções como a CTA (centro de tratamento de ar) ou proteção frente a infiltrações estão a ser o foco da solução contra humidade.

 

A qualidade do ar e a proteção frente à humidade sempre foram muito importantes. Agora, com o surgimento da COVID-19, a preocupação com ambientes saudáveis tem aumentado muito.

Setembro sempre foi um mês difícil. Este 2020 entrará para a história como um dos mais difíceis. Ter a ajuda de especialistas é a solução necessária para o ajudar a enfrentar 2021 com todas as garantias.

 

 

Entradas relacionadas